CURSO DE Graduação

Controle de Obras

  • Modalidade: Tecnólogo
  • Carga Horária: 2560 horas
  • Duração do Curso: 6 semestres
  • Turno: Noturno
  • E-mail: 2021.zeumanoliveira@cnec.br
  • Autorização: Portaria nº 339, de 29 de maio de 2014 - DOU 30.05.2014
  • Coordenação: Zeuman de Oliveira e Silva
  • Titulação: Mestre
  • Lattes: http://lattes.cnpq.br/7876144768305084
  • Horário de Atendimento: Segunda-Feira: 14h às 17h,/ 19:00 às 21:00 Terça-Feira: 14h00 às 17h00 , Quarta-Feira: 14:00 às 17:00, Quinta-Feira: 14:00 às 17h0 . Sexta -Feira: 14:00 às 17:00

Objetivos

Este curso tem como objetivo formar profissionais capacitados para articular a ciência como base do conhecimento tecnológico e os métodos e técnicas utilizadas no controle de obras, de modo a permitir, quando necessárias, ações intervencionistas com vistas a possíveis transformações do processo de planejamento, otimizando custos, reduzindo prazos e propondo novas rotinas e/ou tecnologias na busca contínua de qualidade.

Para tanto, os objetivos específico do curso de Controle de Obras são:

  • Analisar e discutir com o superior, detalhes e instruções técnicas do projeto a ser executado.
  • Orientar e acompanhar a execução do cronograma.
  • Interpretar projetos, relatórios, registros da construção e ordens de serviço.
  • Participar da instalação do canteiro de obras, definindo locais físicos conforme projeto, compor equipes, distribuir tarefas e acompanhar a realização das mesmas.
  • Controlar estoques de materiais, bem como resíduos e desperdícios equipamentos e instrumentos necessários à realização do trabalho.
  • - Monitorar padrões de qualidade da construção, verificar especificações dos materiais utilizados no canteiro de obras bem como as condições de armazenagem.
  • - Acompanhar a realização do trabalho, solucionando problemas, redistribuindo tarefas, remanejando pessoal, controlando qualidade e quantidade do trabalho realizado.
  • Solicitar requisições de materiais necessários à execução dos serviços.
  • Auxiliar na elaboração de manuais, relatórios e cronogramas durante a execução da obra.
  • Zelar pela manutenção, limpeza, conservação, guarda e controle de todo o material, aparelhos, equipamentos e de seu local de trabalho, observando normas de segurança do trabalho.

Área de atuação

O Curso Superior de Tecnologia em Controle de Obras tem como objetivo formar o tecnólogo em Controle de Obras, que é o profissional habilitado para fiscalizar, acompanhar e monitorar a qualidade das obras pela verificação dos padrões tecnológicos especificados em projetos e normas técnicas. Este profissional atua em canteiros de obras ou em laboratórios de materiais de construção, solo, asfalto, cerâmica, executando, criando e adaptando ensaios, bem como lidando com o instrumental e maquinário associado. Possui domínio sobre aspectos de segurança, instalação laboratorial, calibragem de equipamentos e avaliação de resultados. Enfim, procura formar profissionais capacitados para articular a ciência como base do conhecimento tecnológico e os métodos e técnicas utilizadas no controle de obras, de modo a permitir, quando necessárias, ações intervencionistas com vistas a possíveis transformações do processo de planejamento, otimizando custos, reduzindo prazos e propondo novas rotinas e/ou tecnologias na busca contínua de qualidade.

Projeto Pedagógico do Curso

De acordo com a normatização do Ministério da Educação (MEC), o Projeto Pedagógico do Curso (PPC) é o instrumento basilar de organização dos cursos de graduação. Anexo encontra-se o Projeto Pedagógico do Curso de Controle de Obras da Faculdade CNEC Unaí.

Projeto Pedagógico Controle de Obras

Perfil do egresso

O Curso Superior de Tecnologia em Controle de Obras tem como objetivo formar o tecnólogo em Controle de Obras, que é o profissional habilitado para fiscalizar, acompanhar e monitorar a qualidade das obras pela verificação dos padrões tecnológicos especificados em projetos e normas técnicas. Este profissional atua em canteiros de obras ou em laboratórios de materiais de construção, solo, asfalto, cerâmica, executando, criando e adaptando ensaios, bem como lidando com o instrumental e maquinário associado. Possui domínio sobre aspectos de segurança, instalação laboratorial, calibragem de equipamentos e avaliação de resultados. Enfim, procura formar profissionais capacitados para articular a ciência como base do conhecimento tecnológico e os métodos e técnicas utilizadas no controle de obras, de modo a permitir, quando necessárias, ações intervencionistas com vistas a possíveis transformações do processo de planejamento, otimizando custos, reduzindo prazos e propondo novas rotinas e/ou tecnologias na busca contínua de qualidade.

Estrutura curricular

O curso de Controle de Obras contempla, em sua estrutura curricular, conteúdos/disciplinas que atenderão aos seguintes eixos interligados: formação fundamental, geral ou humanística; formação profissional, para o aluno obter habilitação profissional ou titulação acadêmica, incluindo estágio; formação complementar ao campo principal de estudo; formação especializada ou aprofundamento de estudos; e atividades acadêmicas, complementares ou de iniciação científica.

O currículo do curso de Controle de obras abrange uma sequência ordenada de disciplinas e atividades, hierarquizadas em períodos letivos, cuja integralização dá direito ao correspondente diploma.

A organização curricular do curso contempla também Atividades Complementares, a serem desenvolvidas ao longo do curso, destinadas a promoverem a intradisciplinaridade, a interdisciplinaridade e a transversalidade, ao resgatarem experiências do educando, podendo abrigar atividades de iniciação científica, extensão e eventos culturais, científicos e educacionais.

A integralização curricular é feita pelo sistema modular semestral, com a oferta de disciplinas, em vinte semanas, respeitado o mínimo de duzentos dias letivos anuais. A duração e o conteúdo das disciplinas estão em consonância com a carga horária total do curso de Controle de obras e, para todos os efeitos, ficam incorporados ao currículo do curso correspondente.

A estrutura curricular do curso encontra-se no link abaixo.

Estrutura Curricular Controle de Obras

Colegiado de Curso

Corpo Docente

O corpo docente é o principal sustentáculo de qualquer programa educacional, e apoiado nessa afirmação, também não é diferente com os docentes do INESC. Os professores que atuam no Curso de Controle de Obras do INESC são suficientes em número e reúnem competências associadas a todos os componentes da estrutura curricular. Sua dedicação é adequada à proposta do curso para garantir um bom nível de interação entre discentes e docentes.

Os professores possuem qualificações adequadas às atividades que desenvolvem e foram selecionados, levando-se em consideração as características regionais em que está inserido o curso, bem como a concepção pedagógica proposta. A competência global dos docentes pode ser inferida de fatores como qualificação acadêmica, experiência profissional e de magistério superior, habilidade para a comunicação, entusiasmo para o desenvolvimento de estratégias educacionais mais efetivas, participação em sociedades educacionais e técnico-científicas, exercício efetivo de atividades educacionais, em áreas compatíveis com as do ensino nos programas do curso.

Relação de docentes do curso de Controle de Obras:

Bolívar Hernán Landeta Alvarado
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/4213028050670141

Fabrício Oliveira Leitão
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/7050062167480297

Helen Danyane Soares Caetano de Souza
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/6194032837082195

Luciano Ribeiro Machado
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/0386778385017247

Paulo Augusto Miers Zabot
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/3371207811593066

Paulo César Rodrigues Borges
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/4275937790613243

Zeuman de Oliveira e Silva
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/7876144768305084

Núcleo Docente Estruturante

O Núcleo Docente Estruturante (NDE) é o órgão executivo responsável pela concepção do Projeto Pedagógico do curso e tem, por finalidade, a implantação do mesmo.

O Núcleo Docente Estruturante será constituído da seguinte forma:

  • Pelo Coordenador do Curso, como seu presidente;
  • Por um mínimo de 5 (cinco) professores pertencentes ao corpo docente do curso;
  • Ter, pelo menos, 60% de seus membros com titulação acadêmica obtida em programas de pós-graduação stricto sensu;
  • Ter todos os membros em regime de trabalho de tempo parcial ou integral, sendo pelo menos 20% em tempo integral.

A composição do Núcleo Docente Estruturante do curso de Controle de Obras é:

  • Bolívar Hernán Landeta Alvarado – Mestre
  • Fabrícioi Oliveira Leitão – Mestre
  • Paulo Augusto Miers Sabot – Mestre
  • Paulo Cesar Rodrigues Borges – Doutor
  • Zeuman de Oliveira e Silva – Mestre

ENADE

Períodicos Online

O curso disponibiliza na Biblioteca da Instituição periódicos impressos e também, acesso a Periódicos Livres e a Base de Dados de Periódicos Científicos EBSCO, maior empresa de bases de dados online de periódicos estrangeiros e nacionais no mundo, disponibilizando acesso online a periódicos via bases de dados em texto completo para os maiores centros de pesquisa no Brasil e no mundo.

Períodicos Livres
Períodicos EBSCO

Estas bases de dados encontram-se disponibilizadas para consulta dos alunos nos terminais da Biblioteca e nos computadores dos Laboratórios de Informática.

Critérios de Avaliação

RESOLUÇÃO Nº CS/012/2015, DE 18 DE DEZEMBRO DE 2015.

Entra em vigor em 1º de janeiro de 2016.
RESOLUÇÃO Nº CS/012/2015, DE 18 DE DEZEMBRO DE 2015.

Dispõe sobre o Regulamento Geral da Avaliação de Desempenho Acadêmico por Disciplina da Faculdade CNEC Unaí.

Regulamento Geral da Avaliação de Desempenho Acadêmico


Aguarde...